Resenha #11 – A Seleção, Kiera Cass

Olá pessoal, tudo bem?

Hoje trouxe para vocês mais uma resenha de um livro que foi uma delícia de ler: A Seleção.

a-selecao-inspiration-box

Para trinta e cinco garotas, a “Seleção” é a chance de uma vida. Num futuro em que os Estados Unidos deram lugar ao Estado Americano da China, e mais recentemente a Illéa, um país jovem com uma sociedade dividida em castas, a competição que reúne moças entre dezesseis e vinte anos de todas as partes para decidir quem se casará com o príncipe é a oportunidade de escapar de uma realidade imposta a elas ainda no berço. É a chance de ser alçada de um mundo de possibilidades reduzidas para um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha. Para America Singer, no entanto, uma artista da casta Cinco, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente ama e que está uma casta abaixo dela. Significa abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes. Então America conhece pessoalmente o príncipe. Bondoso, educado, engraçado e muito, muito charmoso, Maxon não é nada do que se poderia esperar. Eles formam uma aliança, e, aos poucos, America começa a refletir sobre tudo o que tinha planejado para si mesma — e percebe que a vida com que sempre sonhou talvez não seja nada comparada ao futuro que ela nunca tinha ousado imaginar.

Este livro estava há muito tempo parado aqui na minha estante e nunca achava uma oportunidade para ler, até que eu resolvi pegar para um desafio que estou participando. O resultado? Simplesmente amei! Devorei o livro em muito pouco tempo e acredito que se tivesse como, o teria lido em apenas um dia.

Logo no começo conhecemos America e sua família, além de seu namorado Aspen. Podemos ver que é uma família bem legal e simples que vive das artes, pois ela é da Casta 5 (durante o livro nós vemos quais são as profissões das castas mais altas e o quão ricos eles são). Sua vida é bem simples, até que surge A Seleção e, por pressão de sua família e namorado, ela acaba se inscrevendo.

Mas é claro que ela seria escolhida. O mais engraçado é que ela tem uma visão totalmente prepotente em relação à família real. Mas, nesse meio termo entre ela ser escolhida e ir para o castelo, seu namorado termina com ela e aparece com outra garota em sua cerimônia de despedida. Sim, isso mesmo, nem preciso falar que ali, naquele momento, ele perdeu todas as chances que tinha de eu gostar dele.

A Seleção é tipo um “Big Brother” onde 35 garotas competem para ver quem será a esposa do príncipe e, consequentemente, a nova rainha. Todas estão muito felizes de estarem lá, exceto America, é claro. O mais interessante é a situação em que ela conhece o príncipe e como isso é um fato essencial para a construção desse relacionamento que os dois desenvolvem ao decorrer do livro.

America é uma personagem que, no começo do livro, me deu uma certa raivinha, não sei porque. Mas, com o decorrer da história você vai se apegando a ela e entende os motivos de certas decisões que ela toma. Já o príncipe Maxon é simplesmente apaixonante, a partir do primeiro momento que você conhece ele, percebe-se que é exatamente o oposto de que America pensava. Nem preciso dizer que me apaixonei por ele logo no primeiro momento, né?

A história passa bem rápido e é bem fluída. É muito interessante ver o dia a dia das garotas no castelo, seus medos, suas inseguranças e até suas rivalidades, já que sempre tem uma garota que quer ser melhor do que as outras. Como é uma série, o livro não tem um final propriamente dito, o que me fez correr para começar o próximo. Se você gosta de distopias (eu amo) e quer ver uma um pouco diferente destas que estamos acostumados e bem levinha, com romance, humor e aventuras na dose certa, A Seleção com certeza é uma ótima pedida.

Beijinho, até mais 😉

Ps: Esta leitura também pertenceu ao Desafio Obverso Books.

Blogs promoventes do desafio:

http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

http://www.infinitoslivros.com/

http://thousandlivestolive.blogspot.com.br/

http://www.notinhasderodape.com.br/

https://literasutra.com/

http://k-secretmagic.blogspot.com.br/

http://www.colecionandoprimaveras.com.br/

http://odiariodoleitor.blogspot.com.br/

http://www.confraria-cultural.com/

http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/

http://www.adorkable.com.br/

http://www.pensamentosvalemouro.com.br/

Anúncios

30 comentários sobre “Resenha #11 – A Seleção, Kiera Cass

  1. Olá, esse livro é sensacional, mas sou suspeita para falar pois amo a escrita da autora e ainda mais os personagens, especialmente America e Maxon. Que bom que você concluiu a leitura e vai continuar a série. Gostei da comparação que você fez com o “Big Brother” hahaha. É mesmo uma leitura bem leve e divertida.
    Beijos, Fer

    Curtido por 1 pessoa

  2. Oi,
    também li A Seleção super rápido. Achei a America hiper autêntica e decidida. Uma protagonista “daquelas”. É uma pena que com o decorrer da série ela não tenha continuado assim, na minha opinião.
    Beijos!

    Curtir

  3. Oi, eu já tive muita vontade de ler a trilogia Seleção, mas depois que de trilogia virou série e toda hora tem livro novo, fiquei bem desanimada. Mas aí li um livro único da autora e fiquei maravilhada com a escrita da Kiera e agora a vontade de conhecer a série pela qual ela ficou famosa, voltou.
    Amei sua resenha minha curiosidade quanto ao universo que a autora criou, aumentou. Vou repensar se leio ou não.
    Beijos

    Curtir

  4. OI!!

    Já li vária resenhas positivas sobre essa série, mas no momento não me vejo lendo, mesmo tendo um enredo criativo e diferente. Talvez, quando acabar um pouco o modismo, sente e lhe de os devidos créditos. Obrigada pela dica e vai com calma na continuação, rs, brincadeira. Afogue-se nesse mar de palavras. Beijos!

    Curtir

  5. Olá, tudo bem?
    Assim como você, tinha esse livro há bastante tempo na estante, mas nunca lia, quando li foi amor a primeira vista e devorei demais as leituras.
    Acho que entendo o fato de a America ter te irritado e até senti isso um pouco, mas foi superado pelo envolvimento que tive com a história, enfim, foi muito bacana.
    Adorei ler sua resenha e esses outros pontos de vista que você apresentou.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    Curtir

  6. Oii Carol, tudo bom? Sua resenha ficou muito boa, gostei de saber tua opinião sobre esse livro. Nunca senti muita curiosidade em ler essa série, confesso, mas acho que acabarei lendo de um jeito ou de outro, hehe. Espero gostar!
    Beijos

    Curtir

  7. Gostei muito dessa série, você ira ver que os próximos livros são ainda melhores, gostei muitos das candidatas e também tinha um certo desgosto pela América no começo do livro, que passou rapidamente, a escrita da autora é simples e cria uma história que flui facilmente, gostei também da autora criar dois possíveis pretendentes: Maxon ou Aspen ( sou Team Maxon sempre rsrs) espero que goste da leitura de A elite, A escolha é o livro que tem mais reviravoltas e emoções pelo leitor

    Curtido por 1 pessoa

  8. Eu amo essa série!
    É como você disse mesma: a leitura é fluída e bem leve.
    Eu amo o gênero distopia e esse livro é bem diferente de todos que já li. Também adorei conhecer o dia-a-dia das meninas, é bem interessante.
    Eu adorei a America desde o primeiro momento, não fiquei com raiva, haha.

    Virando Amor

    Curtido por 1 pessoa

  9. Oie, preciso dizer que eu não gosto de distopias muito, mas essa me deixa bem interessada, até por causa desse dia-a- dia das meninas no castelo que você mencionou, e também a história das castas, acho que eu vou gostar ainda mais pelo tanto de resenhas positivas que tenho visto. Que bom que você gostou e torço para que os próximos livros sejam ainda melhores.

    Curtir

  10. Olá!

    Eu AMO esse livro! Ele é ótimo! A história é envolvente e assim que se começa a ler, não se pode mais parar. Eu comecei o livro gostando do Aspen, mas assim que ele termina com ela e aparece com outra, tudo isso morreu. (Iria dar até um spoiler aqui de mais raiva que ele me fez no livro, mas melhor não)
    Eu sempre gostei da Meri, mas uma coisa que você deve se acostumar durante os livros é que ela vai fazer varias burradas e você vai querer jogar o livro longe kkkkk, mas se controle.
    Maxon é mesmo um amor, não tem como botar defeito nele ❤ um verdadeiro Príncipe mesmo.
    Adorei sua resenha!

    Beijinhos!
    Cantinho Cult

    Curtir

  11. Oi!
    Confesso que eu corro dessa série, não consigo ver a história como algo que me cativaria, principalmente por esse fato de ter uma seleção para escolher a princesa e tals.
    Também tem a questão que já tomei spoilers até o ultimo livro lançado, então acho que não gostaria da história como vc gostou

    Curtir

  12. Oie, Carol. Tudo bem, linda?
    Muito legal a sua resenha e que bom que gostou tanto desse livro.
    Confesso que não sou fã de distopias 😦 e nem posso falar com certeza sobre esse gênero porque nunca li nada do tipo, é a premissa em geral de livros distópicos que não me chama a atenção.
    Porém, achei interessante a história de A Seleção, essa é a primeira vez que paro pra ler mais sobre esse livro e gostei do li…
    Talvez se eu der uma chance, eu vá gostar também da leitura né
    Já anotei essa indicação e preciso dizer que sempre achei as capas dessa série todas lindas, não acha?

    Bjinhos

    Curtido por 1 pessoa

  13. Olá!

    Eu tenho os três primeiros livros, mas quando comecei o primeiro, não deu aquela vontade de continuar sabe, logo voltou pra estante e está sem ser lido até hoje. Acho que o tema não me atrai tanto… e distopia tb não é meu forte. Porém pretendo continua-lo um dia sim! Muitos dizem ser bom e vi que você tb!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    Curtir

  14. Oie!
    Eu já tive o prazer de acompanhar essa série, e adorei essa história. O primeiro volume me conquistou de tal forma que não conseguia parar, e fiquei bem ansiosa para acompanhar essa série. Espero que goste dos outros volumes.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    Curtir

  15. Oi, tudo bem?
    Eu tenho esse livro aqui em casa, mas está na estante faz teeempo e isso porque eu não tenho a minima vontade de ler, acredita? Todo mundo fala bem, mas eu não fico animada com a história em si e nem com os personagens, logo a animação é praticamente zero, sabe? :/ Enfim, fico feliz que a leitura foi boa para você, espero que o dia em que eu fizer a minha leitura também goste.

    Beijos :*

    Curtido por 1 pessoa

  16. Olá, acho que sou uma das únicas pessoas que não leu ainda essa série, e olha que tenho os livros aqui em casa! não li por falta de oportunidade mesmo, mas vou ver se esse ano consigo ler ainda, fico feliz em ver que você gostou e que recomenda, o livro parece ótimo mesmo!

    Beijos

    Curtir

  17. Pingback: Top Leituras de 2016 | Arsenal de Ideias

  18. Pingback: Resenha #49: A Escolha, Kiera Cass | Arsenal de Ideias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s