Resenha #39: Extraordinário, R. J. Palacio

Olá pessoal, tudo bem?

Hoje trago para vocês mais uma resenha de um livro muito bonito, vamos conferir?

303917

August (Auggie) Pullman nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola… até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

R. J. Palacio criou uma história edificante, repleta de amor e esperança, em que um grupo de pessoas luta para espalhar compaixão, aceitação e gentileza. Narrado da perspectiva de Auggie e também de seus familiares e amigos, com momentos comoventes e outros descontraídos, Extraordinário consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos, família, amigos e comunidade – um impacto forte, comovente e, sem dúvida nenhuma, extraordinariamente positivo, que vai tocar todo o tipo de leitor.

Várias pessoas já haviam me indicado esse livro anteriormente e sempre me falaram que era muito bonito, então nesse mês de novembro resolvi realizar a leitura e posso dizer que fiquei extremamente emocionada.

August tem o rosto deformado por diversas doenças (que o autor fala no livro mas confesso que não entendi bem, é alguma coisa sobre um gene da família que se misturou com uma outra doença muito rara e deu no deu). Ele é um menino completamente normal, mas que tem algumas dificuldades e que passou por várias cirurgias no começo de sua vida, então podemos dizer que foi tudo bem difícil. Ele tem uma boa família, uma boa cachorrinha de estimação e um melhor amigo. A vida para ele é boa. Até que sua mãe resolve o colocar na escola.

No começo, ele é completamente contra, mas acaba amolecendo. Você deve se imaginar que ele deve ter alguma dificuldade ou coisa assim, só que não, o garoto é extremamente inteligente. O seu receio é como os outros vão olhar para ele porque logo no começo do livro ele dá uma descrição bem óbvia do que acontece: todos olham, levam um susto e viram o rosto. E todos nós sabemos que é bem isso o que acontece quando vemos alguém diferente na rua, não é? Isso foi a primeira coisa que me conquistou no livro, essa autoconsciência que ele tinha sobre os outros em relação à sua condição. Mas ele não liga, ele diz que depois de tantas vezes já até se acostumou.

Nesse livro, acompanhamos essa saga de Auggie em sua primeira escola, onde ele faz alguns amigos e também algumas inamizades, por parte dos outros meninos. É tudo muito triste no começo, ele pensa em desistir várias vezes e voltar a estudar em casa, mas a sua irmã, Via, o convence a continuar em frente. Percebemos também o drama dela, que simplesmente ama o irmão, mas às vezes tem vergonha de mostrar para os outros porque ela sempre vai ficar conhecida por ser a irmã do menino estranho. É triste, mas entendemos a sua situação completamente, afinal, sua vida mudou totalmente quando o irmão nasceu e ela não tem mais a mesma atenção dos pais, não que ela fique muito brava com isso.

O livro em sua maioria é feito de capítulos do ponto de vista de Auggie, mas também temos algum do ponto de vista de sua irmã e de dois de seus amigos, o que é muito legal porque vemos que é realmente uma amizade verdadeira e muito amorosa. Foi muito bom poder ler essa obra e ver que apesar de tudo, Auggie conquistava várias pessoas por onde passava, deixando claro que a sua aparência não era tão importante assim.

Com muito amor e bom humor, vamos acompanhando a vida de uma criança que não se prende à sua condição e que tenta viver a sua vida da melhor maneira possível. É realmente um livro extraordinário.

Até mais, pessoal!

Anúncios

41 comentários sobre “Resenha #39: Extraordinário, R. J. Palacio

  1. Olá
    Adorei poder conferir suas impressões a respeito desse livro. Eu também já fize essa leitura e adorei. É ótimo por conta das reflexões envolvidas, sem contar que há mesmo muito amor envolvido com Auggie. Fico feliz que você tenha curtido a leitura e que tenha se emocionado. É realmente, uma leitura que vale a pena ser feita. É extraordinário ❤
    Beijos, Fer
    http://www.segredosemlivros.com

    Curtir

  2. Olá! Vejo muitas pessoas elogiando esse livro e você foi mais uma delas. Tenho curiosidade de ler, mas ainda não tive oportunidade. Com a sua resenha, minha vontade aumentou, não sabia exatamente do que se tratava a história. Deve ser muito bonita a forma como Auggie enfrenta as dificuldades e conquista a todos.
    Beijos!

    Curtir

  3. Ahhhhhhhhhhhh esse livro!!!! Foi uma leitura forte, boa, consistente e que eu julgo que deveria ser obrigatória nas escolas de ensino fundamental seguida de uma excelente discussão. Adorei suas considerações sobre o livro.
    Beijos

    Curtir

  4. Sempre escuto elogios sobre esse livro é sei que vai virar filme. Eu ainda não me senti pronta para ler. Acho que vai de momento. Ainda não me senti pronta. Mas antes do filme espero ler. Parabéns pela linda resenha.

    Beijos.

    Curtir

  5. Olá,

    Li esse livro no finalzinho de 2014, e gostei bastante. Tanto da escrita da autora, como a forma usada para falar do problema do Auggie, e como pessoas diferentes podem sofrer bullying na escola ou em qualquer outro ambiente. Foi um livro que me fez refletir bastante sobre o que era ou não importante e fico feliz de ter feito essa leitura, que é tão edificadora.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    Curtir

  6. Oie!
    Já tive a oportunidade de ler esse livro, e passa uma mensagem linda, positiva, para cima. Daquelas que faz o leitor refletir sobre o que está fazendo na vida. Um ótimo livro!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    Curtir

  7. Só de ler seus resenha e imaginar as situações já deu um aperto no coração. Imagino lendo, só vejo comentários positivos para esse livro, mas ainda não li, acho que chegou a hora de ler e ter um extraordinária leitura, adorei sua resenha e ela me lembrou porque tenho esse livro na estante.
    Parabéns pela resenha, bjs

    Curtir

  8. Olá,
    Assim como você, várias pessoas me indicaram o livro, acabei comprando.
    No entanto, ainda não li. Fui arrumar minha estante e vi que estou com mais de 200 livros físicos, não consigo sair do lugar :/
    Pela sua resenha, me pareceu ser bem intenso, ninguém havia descrito desta forma ainda. Acho que será um dos primeiros livros para o ano que vem.
    Beijos
    http://www.estilogisele.com.br

    Curtir

  9. Que resenha linda. Acho que esse livro é justamente aquilo que o nome diz assim como você mesmo comenta. É um livro extraordinário que traz uma lição fantástica acerca de tudo e uma lição de vida nas entrelinhas. Amei

    Curtir

  10. Olá, Carol!
    Eu sou louca pra ler esse livro, mas acho que ficaria mto emocionada tbm, rs. E, no momento, estou fugindo um pouco de livros assim.
    Acho a história muito linda! A adaptação vai ser de cortar o coração, tenho certeza.
    Amei a resenha!
    Bjos!

    Curtir

  11. Oi Carol ^^
    Faz um grande tempo que desejo ler esse livro. Primeiramente, por causa da capa, depois vem o enredo dele que é sem sombras de dúvidas surpreendente, real e que parece conscientizar as pessoas a aceitar a diferença.
    O que torna o livro delicado é o fato de ser narrado por uma criança que sofre o julgamento, não é um narrador de fora. Definitivamente a descrição das cenas devem ser carregadas de sentimentos.
    Fiquei muito feliz em ver as notícias sobre a adaptação cinematográfica da obra, espero que consigam transmitir a grande mensagem que o livro tem.
    Não julgo a Via porque também deve ser difícil ser ignorada pelos pais, ter a atenção toda voltada para o irmão e ser esquecida várias vezes. Afinal, um dos piores sentimentos é o esquecimento.
    Enfim, amei a sua resenha. Curta e direta. Só me fez desejar ainda mais poder ter essa leitura num futuro próximo.
    Bjs

    Curtir

  12. Eu ainda não li mas tenho certeza de que é uma leitura completamente diferente, eu penso que vou gostar mas tem alguns pontos que me fazem pensar em leitura monótona. Com certeza a trama traz muitas mensagens positivas e deve nos fazer refletir sobre certos assuntos. Gostei da sua resenha e espero que eu possa gostar do livro quando o for ler.

    Curtir

  13. Olá Carol,
    Não tem como ler Extraordinário e não falar que a leitura é extraordinária, não é?
    Ler sua resenha me deu uma sensação muito nostálgica de quando li esse livro. Em janeiro faz 3 anos e lembro, exatamente, o que senti ao ler ele, foi muito, muito amor e uma vontade imensa de ter um Auggie ao meu lado.
    Sua resenha está incrível e já quero reler o livro haha.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    Curtir

  14. Olá!! 🙂

    Eu não conhecia este livro..! 🙂 Mas fiquei mesmo com muita vontade de ler!! 🙂 A tua resenha e simples mas passou bem e quero saber mais agora!! 🙂 ahah

    Adoro isso da alternância ocasional de capítulos.. E ainda do tema e do “ultrapassar” com os problemas que puxam realmente para baixo e alteram a vida da pessoa (ou criança..) 🙂

    Boas leituras!! 😉
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    Curtir

  15. Oie, tudo bem? Gostei muuito da resenha e fico feliz que tenha feito uma leitura tão proveitosa. Eu ameeei essa leitura e agora fiquei com muita vontade de reler. Farei isso no próximo ano sem falta! Livro extraordinário, emocionante e inesquecível.

    Beijos!

    Curtir

  16. Olá Carol
    Ao contrário de você, li este livro logo que foi lançado e já recomendei para muita gente, inclusive no trabalho.
    Acho q estoria linda e a autora teve uma sacada ótima ao narrar a estória sob diferentes perspectivas, do August, da mãe, do pai, da Olívia. Aliás sua irmã foi a personagem que mais gostei no livro!
    Muito legal seu post, adorei!
    Bjks mil

    http://www.maeliteratura.com

    Curtir

  17. Olá!

    Esse livro é lindo demais!!! Me identifiquei com a Via, por ela ser a sombra do Auggie. De certa forma, também sou a irmã de alguém, já que minha irmã mais nova tem Asperger e a sociedade não está acostumada com pessoas especiais, infelizmente.

    Curtir

  18. Eita todos elogiam esse livro e eu ainda não li =\ e já estão gravando o filme, não é!!?? Gostei da sua resenha porque você focou nas suas impressões, mas não esqueceu de citar algumas informações importantes como a narrativa. Gosto qnd a narrativa, é em primeira pessoas, mas compartilhada entre mais de um personagem. Fica mais dinâmica ao meu ver.
    Confesso q fiquei com medo de desidratar com esse livro, mas fiquei mais curiosa após sua resenha. Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    Curtir

  19. Só de ler sua resenha já me veio lágrimas nos olhos… E é assim que eu fico sempre que tento começar a ler o livro. Ou eu estou em um momento muito mole ou sensível demais, sei lá.
    E saber que esse começo é mesmo muito triste me faz ficar enrolando com a leitura…
    Mas, como todos dizem a mesma coisa, que o livro é mesmo extraordinário, não sei quanto tempo mais consigo fugir…rs
    Essa capa é linda, mas eu gostava tanto da capa da primeira edição… fiquei conquistada pela forma sutil que ela era e ainda espero encontrar a edição no sebo para comprar…
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    Curtir

  20. Oi!

    Eu tenho muita intenção de ler esse livro, ainda mais com tantos elogios e porque sairá o filme. Acho a premissa tão legal e bonita e imagino que deva ser um livro bem amorzinho né? Adorei suas opiniões, espero ler logo! haha

    beijos =)

    Curtir

  21. Eu amo muito esse livro e recomendo muito!
    Já fiz resenha dele também no meu blog.
    Tenho vontade até de reler de tanto que gostei.
    Faz a gente pensar tanto na vida, como não aproveitamos tudo o que temos muitas vezes.

    Curtir

  22. Oie, assim como você, as pessoas me falam muito e me indicam muito esse livro, mas ainda não parei para lê-lo. Acho bem interessante isso de ser narrado no ponto de vista de várias pessoas, assim podemos saber como cada um pensa sobre o tema. Espero poder ler em breve.

    Curtir

  23. Olá!
    Ai gente, esse livro é -literalmente- extraordinário, o tipo de livro que todo mundo devia ler pelo menos uma vez na vida, não tem como ler sem levar algo bom dele pra você, mesmo que a leitura não te surpreenda tanto. Amei a resenha, fez total jus ao livro incrível que ele é ❤
    Beijos,

    Luana

    Curtir

  24. Oii!
    Sempre vejo todo mundo falando tão bem desse livro e morro de vontade de ler! Ainda não tive a chance de comprar o livro, mas ele deve ser o tipo de livro que trata sobre crianças, mas que te faz repensar a vida inteira e ver tudo o que já passou com outros olhos haha
    Acho incrível que autores consigam passar mensagens tão tocantes assim e fico muito feliz em saber que o filme vai sair logo logo, né? Espero que eu possa ler antes de assistir no cinema :))
    Beijos!

    http://www.beyondbluedoors.com

    Curtir

  25. Oi Carol, eu já tinha visto essa capa por aí, mas não tinha lido nenhuma resenha sobre o livro. Gostei muito do enredo, o fato dele ter que lidar com essa deformação no rosto deve acarretar várias situações desagradáveis na escola (isso é minha imaginação dizendo, já que sabemos o quanto as crianças podem ser maldosas). Já está anotado na minha lista! Abraços

    Curtir

  26. Oi, tudo bem?
    Eu li esse livro faz um bom tempo já, mas ainda lembro o quanto fui cativada pela história e pelo protagonista, que é uma fofura. Bom, eu também gostei bastante da narração ter o ponto de vista de outros personagens também e agora estou super curiosa com o filme.

    Beijos :*

    Curtir

  27. Olá!
    Gente, é sério, eu não sei por qual motivo eu não li esse livro até hoje. Todo mundo me recomenda, todo mundo fala que amou e se emocionou muito e eu aqui fazendo hora pra comprar e começar a amar também. Preciso urgente desse livro, passou da hora. Tem o filme também, né? To meio desatualizada hahaha.
    Beijos,
    Nay
    Traveling Between Pages

    Curtir

  28. O August é um personagem muito encantador, é impossível não se emocionar com esse livro e todo aprendizado que ele nos passa, ainda mais sendo de uma forma tão simples.
    No começo é bem doloroso para ele as reações que as pessoas tem e acaba sendo doloroso para nós também, porque ele é um garoto tão forte, que não queremos que ele passe por isso.
    É muito bacana esse intercalamento de capítulos, porque assim podemos saber a opinião dos outros personagens também.
    Abraços.

    Curtir

  29. Oiii!!!
    Eu já tinha ouvido falar desse livro, mas é a primeira resenha que leio sobre ele.
    Achei a história incrível, vi que vai sair um filme baseado nesse livro, por isso eu já sabia mais ou menos sobre a aparência do menino. Crianças quando não são controladas podem ser terríveis. Imagino como August pode ter sofrido nas mãos dos colegas. Me interessei em ler, espero conseguir em breve ou ver o filme quando sair.
    Beijos

    Curtir

  30. Olá!
    Eu sempre me deparo com esse livro, mas nunca parei para ler ele. Pelo que todos dizem parece ser ótimo e sua resenha só aumentou minha vontade de lê-lo. Se não me engano logo logo terá um filme sobre esse livro, correto?
    Beijos.

    Curtir

  31. Oi querida, como está?
    Ouvi falar desse livro depois que soube da adaptação cinematográfica e definitivamente a proposta dele é diferenciada e muito linda. Ainda mais quando a doença do Auggie é muito rara e quase ninguém sabe sobre ela, gerando um bocado de ignorância por parte das pessoas, que acabam pensando coisas ruins quando isso é totalmente despropositado. No mais, adorei a resenha!
    Abraços e beijos da Lady Trotsky…
    http://rillismo.blogspot.com

    Curtir

  32. Esse livro é extraordinário! No inicio fiquei com receio em ler, mas depois dos primeiros capitulos, fiquei encantado por tudo. Espero muito pelo filme, vai ser incrível! Preciso ler os outros livros da autora, só leio resenhas positivas sobre todos eles.

    Curtir

  33. Muitas pessoas falam muito bem desse livro, só aumentando minha curiosidade, mas foi lendo agora que fiquei sabendo mais sobre a história, não fazia ideia por exemplo sobre Auggie e suas doenças (eu pensava que o livro abordava outra coisa). Parece ser bonito e trazer belas reflexões, vou ler quando tiver oportunidade. Beijos!

    Curtir

  34. Olá!
    Então eu já li o livro e realmente é extraordinário! A história é tão forte e tão bela, que a gente fica um tempo pensando sobre como somos superficiais, sobre como apenas nos importamos com nossos problemas, acho q eu não li nenhuma resenha que reclamasse desse livro. E vou te falar, estou em cólicas pelo filme! Adorei a sua resenha.
    Bjks

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s